Falha no WhatsApp pode ocasionar o bloqueio do app

Falha no WhatsApp pode ocasionar o bloqueio do app


Se você é um usuário do WhatsApp, acompanhe esta matéria e fique por dentro da possibilidade de mais uma modalidade de fraude que pode ser aplicada pelos cibercriminosos no ambiente digital.

Utilizando-se apenas o número do telefone da vítima, o invasor consegue desativar o mensageiro do aparelho e impedir que seja acessado novamente. Nem mesmo o recurso de verificação em duas etapas é capaz de proteger o usuário contra essa ação.

As tentativas mal sucedidas de acesso a conta da vítima gera o bloqueio da mesma, por um período de 12 horas. O próximo passo do criminoso é o envio de mensagem ao suporte do app, alegando que seu aparelho foi roubado ou encontra-se perdido, expressando a necessidade de exclusão da conta.

No momento em que o número do WhatsApp da vítima é fornecido como se fosse o seu, o serviço é imediatamente bloqueado e um e-mail de confirmação é enviado ao verdadeiro proprietário da conta. Caso o processo seja realizado outras vezes, pode ocorrer o congelamento parcial do serviço.

Veja a seguir, a nota emitida pelo WhatsApp ao TechTudo, um dos melhores sites especializados em tecnologia:

“Fornecer um endereço de e-mail ao ativar a confirmação em duas etapas ajuda a equipe de suporte do WhatsApp no atendimento aos usuários que se encontrem em uma situação como esta, por mais improvável que seja. As circunstâncias identificadas pelo pesquisador violariam os Termos de Serviço do aplicativo e o WhatsApp encoraja a todos os seus usuários a entrarem em contato com a equipe de assistência sempre que precisarem de ajuda para que o problema seja investigado”.

A boa notícia é que não há registro da aplicação deste golpe, até o momento, mas enquanto a falha identificada não for corrigida, exige atenção e cuidado por parte dos usuários.

O que achou desta modalidade de fraude? Você está atento às informações que auxiliam na segurança no meio digital? Conte aqui pra gente!